sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Nível baixo do Brasileirão é assustador, Veteranos, renegados e Gordinho são os melhores? via @Reinaldo_Cruz #QuestãoBrasil

Reinaldo Cruz
A frieza dos números pode ser cruel às vezes, diz algo sim , mas também pode mascarar a verdade dos fatos se levada ao pé da letra. 
Os melhores atacantes do campeonato brasileiro, neste momento, são Walter do Goiás, que vem colocando o Esmeraldino na mídia nacional por conta do peso e claro pelo talento que possui para jogar futebol. 


Max Biancute, o primo do Messi, que não conseguiu brilhar em lugar nenhum por onde passou, mas no vitória vem fazendo o que o Neto Baiano fez em 2012 por lá e não consegue fazer aqui com a camisa do Goiás, o argentino tem se destacado no certame. 



Willian da Ponte Preta, lembra dele? Ele conseguiu a proeza de ser dispensado do Atlético por deficiência técnica e hoje briga pela artilharia do Brasileirão... Coisas do futebol que nem Nelson Rodrigues conseguiria explicar essa em seus textos estupendos da Vida como ela é. 




Estes são os melhores do Brasileirão, segundo os números e suas verdades absolutas. 
Por que o futebol não é uma ciência exata, os números transformam craques em perebas e e cabeças de bagre em gênios de um campeonato para outro.
Fred é o preferido de Felipão na Seleção, mas não tá bem
Os piores deste início de campeonato, segundo a frieza dos números, são Fred (artilheiro da Copa das Confederações) que até expulso de forma bisonha já foi, Leandro Damião (Que o Inter recusou 52 milhões outro dia) pode virar coadjuvante para Scopo e Fórlan; e o atacante Jô (que levantou só 3 taças até a presente data: Mineiro, Libertadores, Copa das Confederações) mas tem deixado a desejar como todo o elenco do Galo, após a conquista da Libertadores. 
E olha que não há espaço para citar Luis Fabiano que esta em má fase, David que andou perdendo uns gols incríveis nos últimos anos, Ricardo Goulart que muitos diziam ser jogador de série B, Alexandre Pato cujo o histórico de lesões não inspira confiança, entre outros de igual talento desprezível. 
Walter é que é o cara do momento, craque de peso e acima de qualquer questionamento, certo?
Claro que não, pois futebol nunca foi momento, pois é humanamente impossível jogar futebol em alto nível pesando 100 kg, ou por que vocês acham que o Ronaldo parou?
Futebol é momento só não, este futebol praticado por Willian, Walter ou Biancuti é momentâneo e com certeza não vão lembrar deles lá no final da competição. Pode escrever ai. 
Zé Roberto e seus 40 anos de idade jogando ainda o fino da bola
Posto isso, a minha modesta opinião é que o Goiás tem em Walter o seu craque do momento, em um campeonato que esta nivelado bem por baixo e basta ver os argumentos aqui expostos para tirar uma boa conclusão, mas eu vou além, pois dizer que o nível esta baixo não é ser exagerado, já que os melhores jogadores já foram citados e os destaques principais são os jogadores do sub-40, Seedorf (Botafogo), Juninho Pernambucano (Vasco), Alex (Coritiba), Zé Roberto (Grêmio), Rogério Ceni (São Paulo) e Ronaldinho Gaúcho (Atlético MG).
Não precisa dizer mais nada sobre o nível do nosso futebol, mas é sempre bom lembrar das derrotas do São Paulo na Europa e no Japão, e a humilhante goleada sofrida pelo Santos diante do Barcelona de Neymar e Messi. Dentro de campo, sendo humilhado, estavam duas das mais tradicionais equipes do nosso futebol, mas quem foi de fato motivo de deboche, foi o futebol brasileiro que há muito tempo já não é o mesmo.

Arquivo do blog

Seguidores

Pesquisar este blog