Pesquisar este blog

sexta-feira, 3 de março de 2017

YUNES ENTREGA TEMER E COMPLICA SÉRGIO MORO


YUNES ENTREGA TEMER E COMPLICA SÉRGIO MORO

Condenados que não dão mais Ibope: Delúbio, Ronan e Quadrado pegam 5 anos de prisão na Lava jato – Legisladores do Brasil

legisladores-fw1
Petistas ou pessoas ligadas ao PT são acusados e julgados rapidamente, enquanto as suspeitas envolvendo políticos do PSDB e do PMDB seguem sem ao menos ter uma apuração decente. 

Os três são acusados de lavagem de R$ 6 milhões de um empréstimo fraudulento feito junto ao Banco Schahin em favor do PT e foram condenados pelo Juiz Sérgio Moro. 

 O magistrado condenou o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, o empresário Ronan Maria Pinto, de Santo André (SP), e o empresário Enivaldo Quadrado a cinco anos de prisão por lavagem de dinheiro.

Foram absolvidos Oswaldo Rodrigues Vieira Filho, Marcos Valério Fernandes de Souza, Sandro Tordin e Breno Altman "da imputação de crime de lavagem de dinheiro por falta de prova suficiente para a condenação".

Ronan é dono do jornal Diário do Grande ABC. A Polícia Federal suspeita que ele comprou a empresa com R$ 6 milhões que teria recebido via José Carlos Bumlai, pecuarista amigo do ex-presidente Lula que foi preso na Lava Jato, em 24 de novembro de 2015. 

Te prepara Aécio, Rodrigo Janot afirma que não vai engavetar nada enquanto for PGR





É a próxima atração dos políticos que querem pizza quente, trocar o Procurador Geral da República por aqlguém que vá se sujeitar as vontades de políticos sem escrúpulos. Rodrigo Janot não fez muita coisa até agora, só o óbvio, aquilo que já era de conhecimento geral da nação e que não tinha como ele engavetar.

Um exemplo, ou vários exemplos, neste sentido esta no fato de políticos do PSDB ou ligados ao partidos não serem incomodados com as ações midiáticas da Polícia Federal, em que pese as suspeitas, denúncias e citações em delações, os Aécios, Agripinos e Sarneys da vida já deveriam estar esquentando uma cela na Papuda ou em Curitiba há muito tempo, mas sequer são investigados com a mesma gana com que os paladinos da Justiça no Brasil partem para cima de Lula ou qualquer pessoa que tenha ligações com o PT.

O mandato de Janot vai terminar e Michel Temer deve estar torcendo para que seu mandato se arraste até o final, assim ele terá a prerrogativa de indicar o novo PGR e com isso colocar alguém que é responsável direto por pedir investigações contra políticos com foro privilégiado nas muitas operações da PF que estão em curso e devem se arrastar até o fim de 2018... Quem viver verá! 

Em depoimento Marcelo Odebrecht confirma caixa 2 de R$ 150 milhões à chapa de Dilma/ Temer – Politica



Quantas vezes já ouvimos que a casa caiu de vez para Lula e Dilma? Muitas, até mesmo neste processo que envolve a cassação da chapa Dilma/ Temer em que Marcelo Odebrecht teria doado R$ 150 Milhões via caixa 2, esta informação vazou para imprensa, pois o depoimento do empreiteiro corre em segredo de Justiça, assim como ocorre na Lava jato.

A leitura correta é que a casa esta caindo para muito mais gente, principalmente para Michel Temer, o único que esta desfrutando das benesses do poder máximo no momento, Lula que ventila ser candidato em 2018 poderia ter suas pretensões limadas pela novidade, mas nem isso abala o prestígio do ex-presidente, que só não será candidato se for mesmo preso, e só não ganha a condição de favorito se não não estiver na disputa.

Os fatos que ganharam destaque ontem e são manchetes nos principais jornais do país dizem respeito a um outro golpe promovido pelo derrotado mor da nação, o PSDB de Aécio Neves, que não se conforma até hoje de ter perdido a eleição de 14. Os Tucanos, em especial Aécio, gastam mais energia tentando derrubar governos do que apresentar soluções para o Brasil em crise no curto e médio prazo.

Aécio Neves também se vê as voltas com a Justiça, tal qual o ex-presidente Lula, o mineirinho também é "suspeito" de muita coisa, é pouco ou quase nunca é investigado, é verdade, mas ainda assim o Senador neto de Tancredo Neves é citado em tantas operações em curso no Brasil que a delação da Odebrecht não derruba apenas a casa de Lula e Dilma, como alguns veículos de imprensa noticiaram em letras garrafais, o desmoronamento oriundo das delações da Odebrecht arrasam o paraíso de muito mais gente, inclusive Michel Temer e o mau perdedor, Aécio Neves. 
Odebrecht diz que doou R$ 150 milhões à campanha de Dilmaaecio-neves

Arquivo do blog

Seguidores