segunda-feira, 22 de maio de 2017

Delação Espontânea da JBS junto a Brasilia, diminui a Lava Jato de Curitiba e quebra blindagem do PSDB


Delação Espontânea muda totalmente discurso da lava jato, e coloca na mira do tiro os aliados do governo protegidos pela operação

Às voltas com a Lava Jato Geraldo Alckmin se aborreceu com João Doria em viagem a Nova York, diz revista – Profissão Político



A Revista Veja revela na coluna Radar que o Governador de São Paulo não gostou de ser tratado como eminência parda do Prefeito de São Paulo, João Doria não conseguiu disfarçar sua alegria ao saber do escândalo envolvendo o Senador Aécio Neves. 

Ao se colocar como protagonista na política brasileira, tentando viabilizar seu nome como o único capaz de enfrentar Lula na atual conjuntura do país.

João Doria colocou Alkimin em segundo plano, já que o Governador também esta às voltas coma a corrupção da Odebrebrecht e da JBS
.

Assuntos de Goiás: Veja a integra do Depoimento de Lula a Sergio Moro em Curitiba – Eu Digo Sempre


Foram cinco horas de audiência no processo em que Lula é acusado de ter sido favorecido por empreiteira na compra de um apartamento tríplex no Guarujá (SP) e no transporte e armazenamento de presentes recebidos durante seu governo. 
De lá, animado, o ex-presidente foi ao encontro dos milhares de manifestantes que o esperavam desde o início da tarde, em uma praça no centro de Curitiba. 
 "Se não fossem vocês eu não suportaria o que eles estão fazendo comigo", discursou Lula, ao lado da ex-presidente Dilma Rousseff e de vários petistas de alto escalão. 
"Minha relação com vocês é diferente das que os políticos têm com seus eleitores, minha relação com vocês é uma relação de companheiros de projeto de país." 
Alternando bom humor e alguns momentos emocionado, Lula disse que a história mostrará que nunca alguém foi tão massacrado como ele e que se cometer erros quer ser julgado pelo povo, não apenas pela Justiça. 
 "Se um dia eu tiver que mentir pra vocês, prefiro que um ônibus me atropele em qualquer rua deste país", disse, com a voz embargada. 
 Fontes ligadas a Lula disseram que o ex-presidente terminou o dia satisfeito e com o sentimento de ter cumprido sua missão. 
 "Ele saiu com a sensação de que fez o que tinha se proposto a fazer. Pela alegria que senti, estava satisfeito com o que tinha conseguido", disse uma das fontes.
Fonte: Assuntos de Goiás: Depoimento de Lula a Sergio Moro - Veja na integra o que aconteceu em Curitiba

Assuntos de Goiás: Veja a integra do Depoimento de Lula a Sergio Moro em Curitiba – Eu Digo Sempre


Foram cinco horas de audiência no processo em que Lula é acusado de ter sido favorecido por empreiteira na compra de um apartamento tríplex no Guarujá (SP) e no transporte e armazenamento de presentes recebidos durante seu governo. 
De lá, animado, o ex-presidente foi ao encontro dos milhares de manifestantes que o esperavam desde o início da tarde, em uma praça no centro de Curitiba. 
 "Se não fossem vocês eu não suportaria o que eles estão fazendo comigo", discursou Lula, ao lado da ex-presidente Dilma Rousseff e de vários petistas de alto escalão. 
"Minha relação com vocês é diferente das que os políticos têm com seus eleitores, minha relação com vocês é uma relação de companheiros de projeto de país." 
Alternando bom humor e alguns momentos emocionado, Lula disse que a história mostrará que nunca alguém foi tão massacrado como ele e que se cometer erros quer ser julgado pelo povo, não apenas pela Justiça. 
 "Se um dia eu tiver que mentir pra vocês, prefiro que um ônibus me atropele em qualquer rua deste país", disse, com a voz embargada. 
 Fontes ligadas a Lula disseram que o ex-presidente terminou o dia satisfeito e com o sentimento de ter cumprido sua missão. 
 "Ele saiu com a sensação de que fez o que tinha se proposto a fazer. Pela alegria que senti, estava satisfeito com o que tinha conseguido", disse uma das fontes.
Fonte: Assuntos de Goiás: Depoimento de Lula a Sergio Moro - Veja na integra o que aconteceu em Curitiba

Arquivo do blog

Seguidores

Pesquisar este blog